Mais amor, por favor!

Falta amor. É isso que torna o mundo tão duro, tão cruel, tão frio. É isso que nos torna objetos sentimentais.

Todos nós precisamos de amor. Palavras doces, simpáticas. Um olhar atencioso. Um bom dia, talvez… Precisamos amar os outros, amar os diferentes, amar a si mesmos. Deveríamos olhar para a pessoa ao lado e inspirar amor.

Por que tão difícil?

    Sou amante da vida. Amo sentir-me viva. Amo sentir o calor das pessoas e o frio do vento que transpassa meu rosto ao cruzar a rua. Preciso de amor pra viver. Tão bom morrer de amor e continuar vivendo!

Já cheguei a duvidar da minha capacidade de amar. Realmente, não amamos igual nada e ninguém. Cada coisa tem seu especial. Amo o brilho do sol, amo diferentes sorrisos, amo amo amo demais. Isso é o mais importante…

Tão bom morrer de amor e continuar vivendo!

Deixe uma resposta