Ano novo de novo, ainda bem!

Todo ano existe a mesma promessa de escrever mais.

E há anos deixo de cumprir.

Mas vou continuar prometendo. Vai que um dia dá certo, não é mesmo?

O que falar de 2014 que mal passou, e já considero pacas? Brincadeiras à parte, foi um ano de crescimento indescritível, muito trabalho e cansaço. Foi uma ano que marcou minha transição para a fase adulta.

Infelizmente aquela frase “um dia você vai entender” finalmente fez algum sentido. Sentir exaustão no final do dia, viver o dilema tempo versus dinheiro, mal ter tempo para cuidar de si próprio…

Posso falar uma coisa?

To amando tudo isso.

E que venha muito mais em 2015.

Dessa vez com muito mais postagens e, claro, paz no coração (: